Curso de Ciências Econômicas, da UFN, conquista Nota 5 do MEC


O Curso de Ciências Econômicas da Universidade Franciscana de Santa Maria (UFN) recebeu nota máxima, em uma escala de 1 a 5, conforme avaliação do Ministério da Educação. A avaliação presencial dos representantes do Ministério da Educação ocorreu entre os dias 20 e 23 de março. Entre os universos pesquisados estão a Organização Didático-Pedagógica, Corpo Docente - Tutorial e Infraestrutura da instituição. Nessas dimensões, são avaliados o trabalho desenvolvido com os alunos pela coordenação, pelo colegiado e núcleo docente do curso, em relação à satisfação e o desempenho dos acadêmicos.

foto ufnSegundo a Universidade, a excelência expressada na nota cinco foi fruto da articulação educacional proporcionada pela Entidade com o mercado de trabalho e suas potencialidades extensionistas, que se expressam no decorrer da graduação pelas oportunidades de aprendizado que alinham o conhecimento teórico, às práticas financeiras. “Estamos radiantes. Fomos muito elogiados por nosso corpo docente, nossas instalações, mas, principalmente, pelo engajamento e motivação dos acadêmicos que observam as múltiplas atuações do economista, que perpassam por práticas sociais, humanas e exatas, como uma forma de orientar o presente para a construção da prosperidade do amanhã”, afirma a coordenadora do Curso, professora Taíze Lopes. Ressalta que dois diferenciais pedagógicos pontuais contribuíram para a nota cinco, o Índice do Custo de Vida de Santa Maria, que afere a inflação mensal dos principais itens que impactam o consumidor, e a nova matriz curricular do curso, que integra os Cursos de Administração e Ciências Contábeis. “A flexibilidade de nossa matriz distribuída entre os três cursos, faz com que o aluno tenha autonomia para compor seu horário, podendo também escolher por optativas que ampliam visões tradicionais do economista, os quais hoje começa a ser mais visto com frequência em corporações pela sua análise e sua precisão profissional”, conclui.

O Curso de Ciências Econômicas está em funcionamento desde 2002, estando hoje ambientado em um espaço colaborativo de ensino que estimula o empreendedorismo, a visão da micro e macro economia, levando em conta o cenário político nacional e local.

Matéria/Foto: Assessoria de Imprensa UNF

Abertas inscrições para o Desafio Quero Ser Economista

querosereconomistaO Conselho Federal de Economia (Cofecon) dá início a uma nova edição do “Desafio Quero Ser Economista”. Trata-se de um jogo, dirigido a estudantes de Ensino Médio de todo o País, que tem como objetivo apresentar a área de Economia e informar sobre o mercado de trabalho dos profissionais economistas, com o intuito de ajudar na escolha da futura profissão.

O jogo acontece apenas em ambiente online, no site http://desafioquerosereconomista.com.br/ , onde você responde a enigmas, assiste a vídeos interativos e é desafiado a cumprir diversas missões, tudo de uma forma muito divertida, simples e dinâmica. Assim, você tem a oportunidade de conhecer melhor as escolas de pensamento econômico, os economistas históricos e diversos conceitos básicos da Economia.

Nessa competição todos se divertem e ganham conhecimento, mas além de aprender sobre a área, você também concorre a ótimos prêmios. Os três primeiros colocados ganham, respectivamente, R$ 1.500,00, R$ 1.000,00 e R$ 500,00, respectivamente.

O Desafio Quero Ser Economista teve sua primeira edição em 2016. Somando as três edições, mais de 1.500 estudantes de todo o Brasil participaram do jogo e puderam conhecer um pouco mais sobre a área da Economia.

Corecon-RS participa da comemoração dos 60 anos do Curso de Economia da UCS


ucs1O presidente do Corecon-RS, economista Rogério Tolfo, e o conselheiro da Entidade, economista Aristóteles Galvão, participaram na noite do dia 27 de março, em Caxias do Sul, da solenidade de comemoração dos 60 anos do Curso de Ciências Econômicas da Universidade de Caxias do Sul (UCS). O evento, ocorrido no Salão de Atos da Reitoria, contou com a participação do Reitor Evaldo Antonio Kuiava, do Diretor da Área do Conhecimento de Ciências Sociais, professor Fábio Eberhardt Teixeira e da coordenadora do Curso de Ciências Econômicas, professora Jacqueline Maria Corá, além de docentes, alunos, políticos, empresários e demais autoridades da região serrana.

ucsO presidente Tolfo afirmou ao reitor Kuiava que o Corecon se sentia muito honrado em acompanhar o sexagésimo aniversário de um Curso que, ao longo de sua história, “vem produzindo, através do conhecimento adquirido nesta Universidade, as melhores ideias e ações, construídas por profissionais de altíssimo nível e com a participação direta e decisiva no desenvolvimento e no crescimento econômico e social da região, do estado e do país”. Lembrou que a região de Caxias do Sul é a mais pujante do estado e que o Curso de Ciências Econômicas da UCS “tem participação definitiva na construção desse leque de valores e de desenvolvimento que a fizeram chegar onde está”. Sobre os estudantes, ressaltou que “esta Universidade saberá lhes proporcionar, através da excelência que lhe é peculiar, o alicerce de conhecimento, tão imprescindível para o sucesso de sua jornada profissional, tornando-lhes diferenciados no mercado de trabalho. E o Corecon-RS estará ao lado, participando das conquistas e das vitórias, oferecendo-lhes o ambiente necessário para o pleno desenvolvimento de sua profissão”, acrescentou.

Também estiveram presentes o vereador de Caxias do Sul e ex-conselheiro do Corecon-RS, Adiló Ângelo Didomenico, o presidente da Associação dos Economistas da Serra Gaúcha (Ecoserra), economista Tarciano Mello Cardos0, e a fiscal do Corecon-RS, economista Inara Betat.

Dinheiro Amigo é título de palestra no Auditório da Amrigs

O economista Rogério Cauduro profere palestra “Dinheiro Amigo”, na próxima segunda-feira, dia 01, às 19 horas, no Auditório da Amrigs (Av. Ipiranga, 5311), oportunidade em que estará lançando o seu livro “As 10 Leis do Sucesso Financeiro”. Na palestra, falará sobre os meios práticos de ganhar mais dinheiro e os gastos de forma consciente.

A presença deverá ser confirmada pelo email Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Corecon-RS na formatura da Fadergs

Com o objetivo de estreitar ainda mais as relações com os alunos e com as instituições acadêmicas, o Corecon-RS inicia o ano de 2019 acompanhando as solenidades de formaturas de graduação dos cursos de Ciências Econômicas nas universidades gaúchas.

No dia 25 de março, o conselheiro do Corecon-RS, economista Aristóteles Galvão, acompanhada da fiscal da Entidade, economista Inara Betat, acompanharam a solenidade de formatura dos alunos de Ciências Econômicas da Faculdade de Desenvolvimento do RS (Fadergs), ocorrida no Auditório Érico Veríssimo, da Unidade Riachuelo, no Centro de Porto Alegre.  

unijuiNo dia 15 de março, sexta-feira, o economista João Roberto Borin representou o Corecon-RS na solenidade de graduação dos estudantes da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (Unijuí). O evento aconteceu no Salão de Atos Argemiro Jacob Brum,

 

upf1No dia 23 de fevereiro, sábado, o ex-conselheiro Vladimir da Costa Alves, representou o Corecon-RS na solenidade de formatura dos novos bachareis de Economia da Universidade de Passo Fundo (UPF).

 

Também no dia 23, o delegado do Corecon-RS, economista Castelar Garcia, esteve em Santana do Livramento, onde representou a Entidade na solenidade de formatura dos estudantes de Ciências Econômicas da Unipampa. Também, no mesmo dia, em São Leopoldo, no Anfiteatro Padre Werner, da Unisinos, o conselheiro Bernardo Baggio, participou da formatura dos estudantes de Economia da Unisinos.
  

madailNo sábado anterior, dia 16, o conselheiro João Carlos Madail já havia participado, na cidade de Rio Grande, da solenidade de formatura dos novos bachareis em Economia da Universidade de Rio Grande (FURG), que aconteceu no Cidec Sul, Campos Carreiros. No mesmo dia, no Centro de Convivência da cidade Horizontina, a professora Luisa Cristina Pieniz representou o Corecon-RS, na solenidade de formatura dos alunos da Universidade de Horizontina (Fahor).

 

vladimirNo dia 8 de fevereiro último, o ex-conselheiro Vladimir da Costa Alves representou o Corecon-RS na formatura integrada dos novos bacharéis da Universidade de Caxias do Sul (UCS), que aconteceu na Vila Olímpica, Campus Sede da Universidade. Na oportunidade, também prestigiou o evento, o presidente da Associação dos Economistas da Serra Gaúcha (Ecoserra), economista Tarciano Mello Cardoso.

ufsm

 

No sábado, dia 2, o conselheiro André Carraro acompanhou, em Santa Maria, a formatura dos alunos da UFSM, realizada no Salão Nobre do Avenida Tênis Clube (ATC), no Campus Santa Maria.

 

 

Um dia antes, dia 1º, em Caxias do Sul, o conselheiro Aristóteles Galvão já havia representado o Corecon-RS na solenidade de formatura solene do Curso de Ciências Econômicas da UCS, ocorrida no Teatro do Campus, no Bloco M. 

 

 

 Antes, no dia 25 de janeiro, o conselheiro Guilherme Stein já havia representado o Corecon-RS na solenidade de formatura dos alunos do Curso de Ciências Econômicas da UFRGS.  

 

 

 

E, no dia 19, o conselheiro Bruno Caldas acompanhou a diplomação dos novos bacharéis de Ciências Econômicas da PUCRS, que aconteceu no Salão de Atos, do Prédio 4, da Universidade.

 

 

No dia 5 de janeiro, o conselheiro federal, economista Henri Bejzman, representou a Entidade na formatura dos novos bacharéis da Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), que aconteceu no Auditório do Prédio 11, do Campus de Canoas. 

“2019, um ano-chave para uma agenda de futuro”, diz Moraes

O coordenador do Curso de Ciências Econômicas da Pontifícia Universidade Católica do RS (PUCRS) e Economista do Ano em 2018, professor Gustavo Inácio de Moraes, foi o palestrante da primeira edição do Economia em Pauta do ano, ocorrido na noite do dia 21, no Hotel Plaza São Rafael, em Porto Alegre. O tema foi Perspectivas para a economia brasileira em 2019 e contou com a participação do jornalista Fernando Soares, do Jornal Pioneiro, vencedor do Prêmio Reportagem de Economia 2018, categoria Mídia Impressa.

O presidente do Corecon-RS, economista Rogério Tolfo, deu boas vindas aos palestrantes e ao público presente e explicou que, depois de um ano de sucessivos debates nas universidades, o Economia em Pauta retorna ao Hotel Plaza São Rafael, levando sempre à discussão do público os temas de conjuntura que se impõem para uma melhor compreensão da realidade econômica em que o País está inserido.

foto3O professor Gustavo Moraes iniciou sua apresentação perguntando como fazer para que o Brasil utilize todo seu potencial produtivo e econômico disponível e não aproveitado. Disse que há a necessidade de analisar problemas estruturais, como a baixa produtividade, a ausência relativa de infra-estrutura e o processo histórico de desenvolvimento concentrado no capital, ao invés de utilizar-se daqueles recursos que dispõem em abundância, como recursos naturais e trabalho. Apresentou uma análise do processo histórico através de um quadro comparativo com base no PIB per capita e disse que o ano de 1980 foi o momento em que a economia brasileira se perdeu, passando a ser ultrapassada por economias com perfis semelhantes, como Chile, Argentina e México. Explicou que o crescimento brasileiro foi baseado principalmente em acumulação de capital, embora carente de desenvolvimento em termos de trabalho e recursos naturais, e apresentou números que demonstram o descontrole das contas públicas e a fragilidade dos indicadores setoriais.

gustavofechado“O ano de 2019 será um fundamental para que implantemos uma agenda de futuro. Um ano que, no campo econômico, poderá ser de grandes resultados, no sentido de reorganizar o setor público e direcionar a economia brasileira para um acúmulo de poupança mais significativo”, acrescentou.  Alertou, no entanto que, caso fracasse a reorganização do setor público, especialmente a reforma da previdência e o encaminhamento de uma agenda de recuperação da capacidade de investimento, o ano de 2019 “marcará um crescimento econômico, mas sem construir uma esperada decolagem para os próximos anos”.

 

fernandoAntes de abrir os trabalhos à participação do público, o jornalista Fernando Soares apresentou algumas considerações sobre o tema abordado e levantou alguns questionamentos sobre o nível de crescimento da economia brasileira prevista para o ano de 2019, os riscos de fatiamento da reforma da previdência e os tipos de reforma necessárias para o realinhamento da economia brasileira.

Também estiveram presentes nesta edição do Economia em Pauta o conselheiro do Corecon-RS Aristóteles Galvão, o ex-presidente Lauro Nestor Renck e os ex-conselheiros Carlos Alberto Abel e Vladimir da Costa Alves.

O Economia em Pauta tem o apoio de Águas Mineral Sarandi.

Acesse a apresentação da palestra em pdf

Acesse os videos do evento

Ex-conselheiro do Corecon-RS profere palestra no Oficinas da Liberdade, da Unisinos

O ex-conselheiro do Corecon-RS, economista Darcy Francisco Carvalho dos Santos, será um dos palestrantes do Oficinas da Liberdade, que acontece na próxima segunda-feira, dia 25, às 19 horas, na sede da Unisinos/Nilo Peçanha, em Porto Alegre. Também palestrará o Economista-Chefe do Departamento de Pesquisas Econômicas (Depec), do BNDES, Fábio Giambiagi.

Numa promoção da Universidade, as Oficinas da Liberdade são espaços destinados para que organizações liberais nacionais e internacionais possam transmitir seus ideais para o público.

Aeconsul promove Café com Economia

A Associação dos Economistas da Região Sul do RS (Aeconsul) promoveu, no dia 20 de março, na sede da Azonasul, em Pelotas, mais uma edição do "Café com Economia". O convidado foi o empresário Ubirajara Martins, que abordou o tema "Ações de Empreendedorismo". Martins atua nos ramos da publicidade e na produção e processamento de frutas na região de Pelotas.

Curso de Economia da UCS comemora 60 anos

Acontece, no dia 27 de março próximo a solenidade de comemoração dos 60 anos do Curso de Ciências Econômicas da Universidade de Caxias do Sul (UCS). O evento acontecerá, a partir das 17 horas, no Salão de Atos da Reitoria, Bloco A, Campus Sede da UCS. O ato será presidido pelo Reitor Evaldo Antonio Kuiava, e  contará com a participação do diretor da Área do Conhecimento de Ciências Sociais, professor Fábio Eberhardt Teixeira, e da coordenadora do Curso de Ciências Econômicas, professora Jacqueline Maria Corá. Além de docentes e alunos da Universidade, na oportunidade estarão presentes autoridades políticas, empresariais, além de lideranças de diversos setores da região.

FGV EESP Clear abre processo seletivo para vaga de Assistente de Pesquisa

O Centro de Aprendizagem em Avaliação e Resultados para o Brasil e a África Lusófona (FGV EESP Clear)
torna público a abertura do processo seletivo para vaga de Assistente de Pesquisa do FGV EESP Clear.
O FGV EESP Clear é um dos 6 centros regionais que compõem a Iniciativa CLEAR, uma ação global de diversas
entidades e países que visa o aperfeiçoamento de políticas e programas através do fortalecimento de capacidades
e sistemas de Monitoramento e Avaliação. Seguindo a linha de atuação da Iniciativa, o FGV EESP Clear atua
no Brasil e África Lusófona, a nível nacional e subnacional, em quatro principais eixos na área de M&A: (i)
Capacitação; (ii) Assistência Técnica; (iii) Geração de Novas Evidências; e (iv) Difusão de Evidências e
Conhecimentos. Para se atingir a missão proposta, são realizadas parcerias com diversos agentes, incluindo
governos, agentes privados, sociedade civil e academia.

Acesse o edital

 

Página 4 de 52