Indicadores Econômicos RS

logo ie rs 2020 255

Falecimento do professor Roberto Camps de Moraes

 

É com pesar que comunicamos o falecimento do economista e professor Roberto Camps de Moraes, ocorrido na noite de sexta-feira, 11 de dezembro, em decorrência de um infarto. O velório aconteceu no sábado, dia 12, na Capela 07, do Cemitério João XXIII, onde ocorreu seu sepultamento.

Roberto Camps de Moraes era graduado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1971) e, também, em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1971). Nos anos de 1972 e 1973, ele cursou e concluiu o mestrado em Economia da UFRGS, tendo a sua turma sido a primeira deste programa. Foram concedidas três bôlsas para doutorado em Economia nos EUA para os três melhores desempenhos. Por esta razão, sequencialmente, ele cursou, durante o período 1974 a 1978, as disciplinas que eram pré-requisitos para a obtencão do doutorado na Universidade de Vanderbilt, EUA. Durante este processo, obteve automaticamente o título de Master of Arts em Economia e um diploma de curso de especializacão em Desenvolvimento Economico. Em 1978, foi obrigado por lei a voltar ao Brasil, depois de ter sido aprovado nos quatro exames de qualificacão necessários e defendido a proposta de dissertacão de doutorado. Só veio a defender a dissertacão em 1986, após concluí-la no Brasil. Foi professor da UFRGS, desde 1972, vindo a se aposentar em 2005. Neste mesmo ano, retornou à Academia, como professor titular da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), onde ficou até o ano de 2009, atuando principalmente em temas, como conjuntura econômica, teoria macroeconômica, politica monetaria, inflação e política de estabilização.

Nascido em 14 de junho de 1948, na cidade de Recife, em Pernambuco, Roberto Camps de Moraes era casado com a economista Maria Heloísa Lenz.