slogan

SELO ENEF

LIVE: “Economia da Saúde em cenário de pandemia”, com Giácomo Balbinotto, Everton Silva e Gisele Braun


live1905a
Os professores e economistas Giácomo Balbinotto Neto, da Universidade Federal do RS (Ufrgs), Everton Nunes da Silva, da Universidade de Brasília (UNB) e a economista Gisele Teixeira Braun, do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) participam de LIVE, nesta terça-feira, dia 19, às 20 horas. Abordarão o tema “Economia da Saúde em cenário de pandemia”, dentro do projeto “Força-tarefa: economistas falam à sociedade gaúcha”, promovido pelo Corecon-RS.

facebook.com/coreconrs/

 

Curriculuns

Everton Nunes da Silva
Possui graduação em economia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, mestrado em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco e doutorado em Economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, com estágio de doutoramento na University of York, Reino Unido. Desenvolveu pesquisa de pós-doutoramento na London School of Hygiene and Tropical Medicine, Reino Unido, entre fevereiro de 2016 e janeiro de 2017. Realizou sua licença capacitação no Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto, Portugal, entre novembro de 2019 e janeiro de 2020. Atuou como consultor técnico do Ministério da Saúde no Departamento de Ciência e Tecnologia (Decit/MS). É professor da Universidade de Brasília, do curso de Saúde Coletiva da Faculdade de Ceilândia e do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva. É pesquisador do Instituto de Avaliação de Tecnologia em Saúde (IATS). Tem experiência em economia aplicada, atuando principalmente em temas relacionados à economia da saúde, à avaliação de tecnologias em saúde, à saúde baseada em evidência, ao financiamento da saúde e à avaliação de políticas.

Gisele Braun
Possui graduação em economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, mestrado e doutorado em Economia pela Universidade Nova de Lisboa. Desenvolveu pesquisa de pós-doutoramento na University of Guildford, Reino Unido, entre julho de 2014 e julho de 2015 e na Universidade Federal de Pelotas entre agosto e dezembro de 2015. Atuou como pesquisadora em economia da saúde no período entre 2008 e 2011 e como consultor técnico para as Nações Unidas em 2013. Trabalhou como economista no Conselho das Finanças Públicas de Portugal. Exerce a função de economista no Banco Interamericano de Desenvolvimento, no departamento de países da América Central, Panamá, República Dominicana e Haiti desde 2019. Tem experiência em economia aplicada, atuando principalmente em temas relacionados à economia da saúde, ao financiamento da saúde e à avaliação de políticas públicas em saúde e desenvolvimento económico.

Giácomo Balbinotto Neto
Possui graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, mestrado em Economia pelo Instituto de Estudos e Pesquisas Econômicas e doutorado em Economia pela Universidade de São Paulo. Atualmente é Professor Associado IV da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e pesquisador do IATS/UFRGS. Professor de Economia da Saúde do PPGE/UFRGS e Pesquisador do Instituto de Avaliação de Tecnologias em Saúde da UFRGS (IATS/UFRGS). Orientador de Doutorado e mestrado. Suas linhas de pesquisa são Economia da Saúde, Avaliação de Tecnologia em Saúde, Economia dos transplantes e Farmacoeconomia.