slogan

SELO ENEF RGB 01

Seja qual for o seu motivo, faça um mundo com mais Economia.

Doutorado e a Economia da Unisinos

luciana03

 

Luciana de Andrade Costa,
Corecon/ES Nº 1533
Economista, Coordenadora PPGEcon Unisinos

 


Qual a importância do reconhecimento da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) na homologação do curso de doutorado em Economia da Unisinos?
Dentro do planejamento da Unisinos, de se internacionalizar e se tornar uma universidade com excelência em pesquisa, era primordial que, em conjunto com os outros programas de pós-graduação da Escola de Negócios da Universidade, tivéssemos a possibilidade de oferecer para nossos alunos um curso em nível de doutorado em Economia. Como estamos localizados em uma região que tem uma presença forte da indústria com atuação global, pretende-se formar pessoal altamente qualificado em termos técnicos seja para aqueles que desejam seguir a carreira acadêmica quanto aos que pretendem se tornar ainda mais qualificados para exercer as suas atividades profissionais, obtendo-se uma formação sólida em teoria econômica, com foco na nossa área de concentração que é organização industrial e economia internacional.

É um ganho também para a região?
Certamente, na medida em que temos pouquíssimos programas de pós-graduação com área de concentração em organização industrial e economia internacional. São poucos no Brasil com essa linha, e nós conseguimos, no Sul do Brasil, nos diferenciar, formando profissionais com esse tipo de especialização. E acredito que, na medida em que os estudos, tanto na área de Economia como na área de negócios em geral, se tornam mais interdisciplinares, o curso vem justamente auxiliar na parte de formalização teórica e quantitativa.

Qual a importância do curso de doutorado para o profissional da Economia no mercado de trabalho atual?
Nossa área de concentração é em organização industrial e economia internacional e o aluno escolhe a linha de pesquisa que ele quer se especializar, passando a ter uma formação sólida dentro dessa linha, tanto na parte quantitativa quanto na parte teórica. Com esse instrumental e qualificação, o profissional pode tanto seguir a carreira acadêmica, atuando como docente e pesquisador, quanto pode potencializar sua atuação profissional com competências necessárias para entender problemas e propor soluções, tanto no setor privado (empresas), quanto no setor público e em organizações diversas da sociedade civil.